COMPARTILHE
essa página
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppTelegramMessenger

Entendendo e Descomplicando o USDCAD. GBPJPY Vai Subir Mais?

  

Nenhuma imagem ou texto devem ser tomados como indicação de investimento. Todo o conteúdo a seguir deve ser visto apenas com fins educacionais

Preparados para mais uma semana? Olá, amigos, hoje trago uma análise bem detalhada da indecisão do USDCAD e seus movimentos “complicados”. Bora descomplicar isso aí. Também estudaremos o GBPJPY, sua tendência de alta, e seus alvos astronômicos que pouca gente está se dando conta, ou até mesmo aceitando que isso é uma possibilidade. Prepare-se, marque no seu gráfico as zonas de interesse mostradas aqui, e bora pra nosso estudo!

Se ainda não tem conta demo aqui na Vantage, acesse esse link, crie uma de forma simples, e você já poderá inclusive testar a análise e as verificações que fazemos regularmente aqui. Espero que goste, e fique sempre atento ao local onde você pegou o link que o trouxe até esta página, pois toda semana estamos atualizando ótimos ativos regularmente. Então, vamos nessa!

Pontos de Discussão – USDCAD

Há mais de uma década que eu acompanho o USDCAD, e de uns 5 anos pra cá ficou mais que claro pra mim que esse ativo é um dos mais “intrigantes”, ou melhor dizendo, complicado mesmo. Por que isso? Bem, digamos que ele até respeita bem níveis de Suporte e Resistência claros no gráfico, mas ele tem o costume de deixar muitos desses níveis enquanto oscila entre eles. O mais complicado de analisar esse ativo nem é tanto marcar os níveis, mas sim identificar quais dessas regiões têm maior probabilidade de funcionar e o preço pegar liquidez e seguir na direção indicada.

Assim, quando o USDCAD chega a um bom suporte, logo abaixo geralmente tem outro de importância equivalente, e é realmente uma incógnita completa saber se ele rompe e busca o suporte de baixo, ou respeita e sobe do suporte que está. O mesmo acontece para a resistência. E mesmo quando o ativo entra em tendência, o que não faz com muita regularidade, diga-se de passagem, ele inverte a estrutura muito facilmente, e as retrações não costumam dar indícios mais fortes de onde tendem a acabar e iniciar novos movimentos de impulsão.

Após muito quebrar cabeça com esse ativo, eu passei a descomplicá-lo da seguinte maneira: eu marco os níveis de S/R mais próximos, e passo a procurar oportunidades em qualquer um deles, que deixem sinais claros de alta/baixa. Também parei de buscar objetivos muito longos nesse ativo, especialmente, claro, quando não está em tendência. Logo, da forma que o USDCAD está hoje, por exemplo, eu identifico o suporte e a resistência mais importantes e mais próximos, e assim que o preço chega a qualquer desses níveis, meus radares já estão ligados para o menor sinal de compra/venda que aparecer. Os alvos sempre perto, e uma abordagem de parciais + breakeven se faz presente para proteger dessa oscilações completamente aleatórias do preço. Essa abordagem tem gerado boas oportunidades, e lucros possíveis e rápidos em trades curtos ao longo do tempo.

No estudo de hoje vemos que o preço está em cima de uma resistência, marcada em azul na imagem. A probabilidade que vejo ali é uma queda até próximo da LTA, e depois uma provável queda até mais ou menos  1.34500, região que certamente colocaria alvos para encerrar os trades de venda. Justamente por ali em 1.34500 fica o primeiro nível de suporte importante para compras em potencial, e uma vez atingido esse nível, aparecido sinais de alta, e engatado num bom trade de compra, o alvo mais interessante seria inicialmente o próprio nível que o preço está agora, isto é, 1.36500, distante 200 pips do suporte mencionado. Depois, um bom take de compra poderia ser colocado por volta de 1.38500, 4 mil pontos acima do suporte.

Mas inicialmente fiquemos com a melhor chance de queda nesse momento, com alvo inicial para parciais em 1.35500 e depois takes em 1.34500. Se o preço romper pra cima, seria interessante esperar chegar a 1.38500 pra pensar em vendas. O gráfico semanal mostra o teste recente do limite superior de um canal de queda bem visível, e isso dá margem pra potenciais vendas maiores até aproximadamente 1.32000, bem em cima de uma LTA mais longa daquele time frame. E no gráfico de 1 hora está marcada a região de briga, que é exatamente onde o preço já testou e quer cair a partir de agora. Veja que o alvo da impulsão inicial fica próximo de 1.35000, e logo acima está 1.35500, a região de parciais de vendas que mencionei acima.

Se você opera o USDCAD, dê uma olhada também nas minhas análises desse ativo aqui na Vantage, e vá percebendo como ele se move. Acesse aqui o estudo mais recente, e acesse aqui o anterior. Você terá uma visão clara da movimentação do par.

USDCAD – Gráfico Diário

USDCAD – Gráfico Semanal

USDCAD – Gráfico de 1 Hora

Pontos de Discussão – GBPJPY

Faz algumas semanas que o GBPJPY está engasgado, e ele acabou indo buscar a região de compra alternativa que marquei na nossa última análise desse ativo, acesse aqui. Desde que testou o suporte em 179.500, o preço já subiu mais de 5 mil pontos, nada mal, mas a libra/iene costuma andar muito assim mesmo. Quando o preço bateu em 184.000, repare como ele retraiu um pouco. Assim, já que o ativo não engatou a alta logo de cara, fica aí uma segunda chance de entrada para acontecer nos próximos dias. Mas isso se, e somente se, o preço for buscar liquidez por volta de pelo menos 180.000.

Agora, novamente, como já estamos estudando há algum tempo, a alta do GBPJPY pode chegar a níveis que poucos consideram. Repare no gráfico mensal mais abaixo as resistências marcadas em verde: 195.000, 215.000 e 250.000. Como a tendência do gráfico Diário é de alta, a probabilidade de o preço continuar subindo até esses níveis é indiscutível. Ou seja, antes de pensar em queda, fiquemos com a probabilidade de alta cada vez mais forte.

Sim, uma baixa no preço pode ocorrer, e isso até pode sinalizar uma tendência de queda, mas até que isso ocorra, é preciso muita força do JPY pra bater a libra. Eu só veria isso ocorrer se o preço despencasse para abaixo de 178.000, com vigor, e retraísse pouco, mostrando que a estrutura atual é de tendência de baixa. Assim, veja que 172.000 seria um alvo natural para vendas a favor da nova estrutura que se formaria nesse cenário hipotético.

De qualquer forma, é mais interessante ficar de olho em compras em potencial, e na imagem do gráfico de 1 hora mais abaixo está indicada a zona que o preço tende a testar para dar oportunidades de compra mais claras. Assim, se o preço cair até a região entre 180.000 e 179.500, e der algum sinal de entrada de demanda, compras podem se dar muito bem saindo até, por exemplo, 184.000 ou alguns pips antes, já que temos uma linha de consolidação de queda, marcada na imagem.

GBPJPY – Gráfico Diário

GBPJPY – Gráfico Mensal

GBPJPY – Gráfico de 1 Hora

Experiência comercial Plus

Previous
Next

Abertura de conta rápida e fácil

  • Registre-se

    Escolha um tipo de conta e inscreva-se

  • deposite

    Deposite fundos na sua conta com uma ampla variedade de métodos de depósito

  • Faça trading

    Tenha acesso a mais de 1.000 instrumentos de CFD em todos os tipos de ativos no MT4/MT5.

Isso é tudo. É muito fácil abrir uma conta de trading Forex e CFD.
Bem-vindo(a) ao mundo do trading!
ABRIR CONTA REAL

Fale conosco

  • Questões gerais

    Estamos aqui para fornecer a você uma jornada de trading bem-sucedida, desde a abertura da conta até o financiamento e a negociação.

    [email protected]
  • Clientes Premium

    Se você estiver interessado em se tornar um premium para desbloquear serviços extras como, trader de alto volume ou se juntar ao Clube Vantage, envie-nos um e-mail abaixo.

    [email protected]