COMPARTILHE
essa página
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppTelegramMessenger

O que é Stop Out e como Evitá-lo

  

Nenhuma imagem ou texto devem ser tomados como indicação de investimento. Todo o conteúdo a seguir deve ser visto apenas com fins educacionais

Hoje vamos estudar sobre algo que deve ser considerado por todo e qualquer trader: o Stop Out. O que ele representa, por que é tão importante prestar atenção a ele, e como evitar problemas. Aqui no site da Vantage está sendo divulgada uma série completa sobre alavancagem, e você não pode deixar de conferir cada uma das aulas desse tema tão ignorado por muitos, por medo e desconhecimento. Acesse abaixo:

Artigo 1 – Mitos e Verdades – Como Funciona a Alavancagem

Artigo 2 – Calculando a Margem

Artigo 3 – Alavancagens Maiores e Capital Flutuante

Artigo 4 – O que é Nível de Margem e Margin Call

STOP OUT

Chegamos a uma das partes mais importantes no quesito alavancagem. Se você quer aprender bem todo esse tema de alavancagem, e operar de acordo com os princípios essenciais no mercado, precisará estar bem por dentro desse assunto.

Dando continuidade ao tema da alavancagem, para a correta compreensão do que é o Stop Out é crucial entender sobre Nível de Margem, já que o “stop antes do stop”, como costumo chamar, acontece com base em um determinado percentual da relação entre capital líquido/margem. Se não viu o artigo anterior sobre esse tema, pare agora e acesse-o aqui, em seguida, retorne ao estudo desse tema atual.

O Stop Out é um meio de proteção para contas com capital proporcionalmente muito inferior aos lotes que o trader opera. Ele é o grande vilão dos traders iniciantes que entram no mercado sem saber o que fazer, e acabam abrindo ordens com grande volume, sem dispor de margem suficiente para isso.

Quando ouvimos a expressão “quebrou a conta”, geralmente pensamos que a pessoa perdeu tudo. Mas não, “quebrar a conta” significa que as ordens que estavam em andamento foram encerradas compulsoriamente, independente da vontade do operador, pois ele ficou sem margem para mantê-las abertas.

Quando se perde tudo, chegando a zero no saldo, é porque o slippage foi tão forte, aliado à enorme incompetência da pessoa, que nem o Stop Out foi capaz de evitar que a conta fosse zerada. Esses casos acontecem com aqueles excepcionalmente despreparados. Não basta operar altamente alavancado, com capital pequeno, os amadores ainda fazem isso em momentos de grande volatilidade. O destino desses é inevitável, e já vi inúmeros passarem por isso.

Mas o mais comum mesmo é quando o trader não calcula direito o seu o lote, não gerencia adequadamente seu risco, e acaba tendo as ordens fechadas, mesmo após o aviso da corretora no Margin Call. Muitas pessoas ficam extremamente incomodadas quando acontece o Stop Out, mas na verdade, como veremos, esse é um mecanismo de proteção. Antes de abrir uma conta o trader precisa aceitar os termos do contrato, e todas as empresas deixam claro que em caso de falta de margem, as ordens serão fechadas, mesmo que você não queira, e independente de o preço ainda não ter chegado ao seu stop loss.

Como Funciona o Stop Out

Relembremo-nos mais uma vez (importantíssimo), o conceito de Nível de Margem.

Nível de Margem é a relação que existe entre o Capital Líquido e a Margem Utilizada. E por “Relação”, entenda como algo dividido por outra coisa. Lembra, por exemplo da “Relação Risco/Retorno”? Onde temos o risco dividido pela recompensa da operação. Pois bem, aqui também teremos uma divisão para saber o Nível de Margem. Essa relação mostra quanto seu Capital Líquido representa em relação à margem utilizada, em percentual.

A maioria das corretoras estabeleceu o que os órgãos reguladores mais sérios exigem, que é ativar o Stop Out quando o Nível de Margem ficar abaixo de 50%. Está vendo a importância de saber sobre Margem e seu Nível?! E muita gente ainda pensa que é algo inútil.

Pois bem, para facilitar a explicação, usarei o exemplo do trader A, que estamos discutindo nos artigos anteriores. Foi explicado que ele tem alavancagem de 1:20, mostrado no artigo sobre “Alavancagens Maiores”, com 3 ordens abertas. Supondo que ele continuasse tendo prejuízos com os trades em andamento, e consequentemente tendo seu Capital Líquido cada vez menor, o que aconteceria, por exemplo, se seu resultado líquido flutuante das operações chegasse a um prejuízo de -US$ 500.00?

Vamos calcular o Nível de Margem, Capital Líquido, e a Margem Liberada, já que nós sabemos que essas são as únicas coisas que mudam com a variação do resultado das ordens em andamento (Alavancagem, lotes e margem utilizada são fixos).

Com o prejuízo flutuante de -US$ 500.00, o Capital Líquido ficará assim:

US$ 1,000.00 (Saldo Inicial)    US$ 500.00 (Prejuízo flutuante)  =  US$ 500.00

Isso significa que o trader agora só tem 500 dólares na sua conta. Se ele fechasse todas as suas operações nesse momento, ele ficaria com 500 dólares de saldo apenas; teria perdido 50% de seu capital inicial.

Vamos agora calcular a Margem Liberada:

US$ 500.00 (Capital Líquido)  –  US$ 980.00 (Margem Utilizada)  =  -US$ 480.00

Você já sabe que a margem liberada pode ficar negativa. E, assim, não será possível abrir mais nenhuma ordem, além de ficar perigoso por se aproximar do Stop Out.

Vamos, por fim, verificar como fica o Nível de Margem nessa situação, com as 3 ordens ainda em andamento, e um prejuízo de -US$ 500.00 flutuante.

US$ 500.00 (Capital Líquido)  ÷  US$ 980.00 (Margem Utilizada)  =  0,5102

Esse valor de 0,5102 em percentual é de 51,02%. Repare que está somente um pouco acima dos 50% mínimos exigidos para as ordens ainda não serem fechadas compulsoriamente. Se esse prejuízo aumentar um pouco mais, entra em ação o Stop Out, e as ordens começarão a ser fechadas uma a uma (ou todas de uma vez, dependendo do rebaixamento).

Em que momento então aconteceria o Stop Out? Como ele é definido em 50% da margem utilizada e, no exemplo do trader A, a margem é de US$ 980, então basta o saldo flutuante ficar 1 centavo abaixo de US$ 490.00 para que as ordens em aberto passem a ser encerradas de maneira automática.

A ordem com que as operações serão fechadas varia de empresa para empresa, mas é comum que aqueles trades que estão bloqueando mais margem sejam os primeiros a serem fechados. Assim, no exemplo do trader A, se o Capital Líquido cair abaixo de US$ 490.00 dólares, que é metade da margem utilizada, ou seja, 50% do Nível de Margem, então pode ser fechada, por exemplo, a ordem no USDJPY, que é a que está exigindo mais garantia do capital do trader, US$ 500.00. Com essa ordem compulsoriamente fechada, a margem livre do trader A iria aumentar. Vamos ver então como ficaria.

Com o nível de margem abaixo dos 50%, então a ordem que tem mais margem a liberar pode ser logo fechada, no caso acima o USDJPY. Veja como fica a nova situação do trader.

Repare que com a saída da ordem do USDJPY, a margem que esse trade ocupava, que era de US$ 500.00, deixou de ser um problema, e aliviou o valor da garantia. Essa garantia passou de US$ 980.00 para US$ 480.00, e assim o Nível de Margem deu uma respirada (Ufa), pois o Capital Líquido agora é superior à margem mínima.

Nível de Margem = Capital Líquido / Margem Mínima (exigida)

Nível de Margem = US$ 489.00 / US$ 480.00 = 1,0187 ou 101,87%

Porém se essas perdas aumentarem, o Capital Líquido vai diminuir, e se ele diminuir, o Nível de Margem também vai. Se novamente chegar a ficar abaixo de 50%, mais uma ordem do trader será fechada. E assim vai sendo feito até que o trader ou recupere-se, ou perca o limite que tinha disponível, e fique só com uma pequena “laminha” na sua conta (situação de muitos).

Stop Antes do Stop

Já vi traders se perguntando por que motivo suas ordens foram fechadas antes de alcançarem o stop loss previamente colocado. Agora que você conhece o Stop Out, você sabe que isso é possível. Porém isso só acontece quando o trader não sabe gerenciar seu risco adequadamente, entrando com lotes altos e esquecendo-se de definir um ponto no gráfico onde sairá com sua perda pré-estabelecida.

Vamos a um exemplo prático e com valores, para que fique claro como não operar e acabar tomando um Stop Out, antes do stop loss.

Imagine um trader C, que tenha 1000 dólares na sua conta com alavancagem de 1:30. Ele decide operar no USDJPY, mas só pensa na recompensa que pode ter. Primeira coisa errada, ele tenta abrir o lote máximo possível para sua conta, e descobre que por ter uma alavancagem de 30 vezes, ele pode abrir ordens de até 30 mil dólares, o que no USDJPY significa operar com lote 0.30.

Ele abre a ordem e deixa rolar. No seu íntimo ele acredita que vai acertar a próxima direção do preço, e fica na expectativa. Ele até pensa que pode dar errado e o preço ir contra ele, mas não dá muita atenção a essa hipótese, pois afinal, ele analisou o mercado, e isso, para ele, já se mostra suficiente. No seu subconsciente, se o mercado for contra ele, o mercado o traiu.

Deixando de lado questões de ordem psicológicas aprofundadas, por agora, vamos nos ater ao fato de o preço ter ido contra sua posição, isto é, imaginando que a ordem foi uma compra, então o preço caiu. Digamos que a entrada foi no preço de 102.000 e agora o preço está em 101.000, 100 pips a menos. E suponhamos que o trader deseja, na pior das hipóteses, isto é, se o “mercado o trair”, ele vai querer fechar a operação com 200 pips negativo, ou seja, fechar quando o preço atingir 100.000.

Entenda que 200 pips é o stop dele, e ele pode querer ou não colocar o SL nesse ponto. Independente de usar o stop loss da plataforma, ele assumiu a perda em 200 pips. Se não fizer nem isso, ou seja, colocar o SL automático, então ele assume, ainda que de forma totalmente irresponsável, que em uma situação bem ruim e atípica do mercado, ele pode perder tudo que tem na conta. Logo, nesse cenário seu stop loss real seria de 1000 dólares, ainda que ele pense que não usa stop loss, como muitos assim o fazem.

Vamos calcular a perda e os demais dados da conta desse trader.

Enquanto o trader C está perdendo 100 pips, ele ainda espera que o preço retorne e dê seu lucro desejado, e acredita que faltam 100 pips para o preço alcançar seu ponto de saída da operação, que é em 100.000, com ou sem SL ali colocado, como disse anteriormente. Isto é, o trader decidiu encerrar a operação somente quando a cotação chegasse a 100.000. O cálculo que o trader fez, inclusive mostrado pela plataforma, era de perder US$ 600 caso a cotação chegue a 100.000 no USJDPY.

30 mil USDs a 102.000 = 3,060,000.00 ienes

30 mil USDs a 100.000 = 3,000,000.00 ienes

Resultado: 3,000,000.00 – 3,060,000.00 = -60,000.00 ienes

USDJPY a 100.00 significa que -60 mil ienes valem -600 dólares de prejuízo.

O preço continua sua queda e alcança rapidamente o valor de 100.300, caindo, portanto, 70 pips da última cotação, que era de 101.000. De repente o trader vê que sua operação não está mais lá! Foi fechada antes do seu stop em 100.000 (ou sua pretensão de encerrar a ordem). Ele se pergunta o porquê, já que ainda tinha 30 pips até o SL. E pior, a essa altura ele já vinha planejando retirar o stop (se tivesse colocado), ou simplesmente não encerrar a operação em 100.000, e segurar por mais algum tempo. Talvez quisesse esperar até 99.000, acreditando firmemente que o preço iria voltar. Essa situação é extremamente comum entre iniciantes, que é quando eles sentem que ainda podem estar certos, pensam que se fecharem a operação, o preço pode voltar com força a seu favor e ele ter saído antes de o ativo se recuperar. Mas agora ele está desolado, sem entender, já que ele foi retirado da ordem antes de o preço sequer chegar a 100.00. O que pode ter acontecido??

Bom, agora que você já entende bem de Stop Out, vamos ver o que aconteceu quando o preço bateu 100.300. Abaixo segue o cálculo de seu prejuízo.

– Entrada: 30,000.00 USDs * 102.000 (cotação inicial) = 3,060,000.00 ienes

– Encerramento: 30,000.00 USDs * 100.300 (cotação no fechamento) = 3,009,000.00 JPYs

– 3,060,000.00 – 3,009,000.00 = -51,000.00 ienes de prejuízo

Agora vamos converter essa perda para dólares.

-51,000.00 ienes ÷ 100.300 (cotação no fechamento) = -508.47 USDs

Sua perda era de -US$ 508.47 dólares. Agora vamos calcular seu Capital Líquido.

Com um Capital Líquido de US$ 491.53, vamos verificar então seu Nível de Margem.

E como o Nível de Margem caiu abaixo de 50%, não há outra alternativa senão ter a ordem compulsoriamente encerrada, antes de o preço alcançar seu limite de perda em 100.000. Por esse motivo, o trader teve que ver seu saldo diminuído para US$ 491.53, e agora ele estará fora de uma possível recuperação do USDJPY.

Sabe o que muitos fazem nessa situação? Quando visualizam o preço retornando, ainda que um pouco, já entram novamente na ordem, pensando que foram traídos pelo mercado, mas que podem se vingar e entrar novamente, tudo para tentar diminuir o prejuízo, e quem sabe sair com pouco lucro. E se tentarem fazer isso, não conseguirão mais operar com o lote de antes, então farão isso com um volume bem menor. Está vendo como é ruim não saber gerenciar o risco adequadamente?

Apenas para não deixar você voando no que o trader deveria ter feito nessa situação, vou explicar a atitude correta a se fazer aqui. Embora, se você ainda não entendeu, a essa altura, o que ele fez de errado, é um forte sinal de que ou você pulou artigos e explicações anteriores aqui, ou está estudando sem dar a devida atenção a todo o conhecimento de gestão de risco. Mas vamos lá.

Primeira coisa, ele deveria ter definido seu Risco Aceitável da Operação, seu “R”. Isso é crucial!

Segundo, deveria verificar qual seria o ponto no gráfico onde ele considera que, pela sua estratégia, não valeria mais a pena estar posicionado, e deveria pular fora do barco. Esse seria seu Stop Loss. E ele precisa saber disso para calcular o lote, como você verá abaixo. A primeira informação ele já teria, é o Risco Aceitável da Operação – R. Sabendo onde será seu stop loss, ele poderá calcular a Perda Máxima por Negócio – R(1.00), que é a perda para o lote de 1.00, que será usada para encontrar o lote da operação.

Por fim, calcularia o lote a utilizar nessa operação baseado no seu R (Risco pré-definido), e no tamanho do stop (Entrada – Saída, para o caso de compra, e Saída – Entrada, para o caso de venda).

Na prática seria o seguinte. Supondo um risco de 2% para a conta de 1000 dólares, o que daria US$ 20.00 a ser arriscado nessa operação. Stop loss em 100.000 como inicialmente pensado. Vamos ao processo de cálculo do lote de maneira simples.

Se é compra, então:

102.000 (Entrada)  –  100.000 (Saída – SL)  =  2.000

Perda Máxima por Negócio – R(1.00) (lote cheio, de 1.00):

Convertendo para dólares:

200,000.00  /  100.000 (no SL) = 2,000.00 USDs

US$ 2,000.00 será a Perda Máxima por Negócio – R(1.00) em dólares!

Lote = US$ 20.00  /  US$ 2,000.00 = 0.01

E voi lá… temos o lote para usar nessa operação. Isso quer dizer que se o trader C quiser arriscar 20 dólares nessa negociação, com stop loss de 200 pips, então ele precisa usar o lote de 0.01 para que dê certo. Ao abrir 0.01 ele operará o equivalente a 1000 dólares, um lote micro, e a margem mínima será de apenas US$ 33.33 dólares. Então o preço pode ir contra sua posição, que ele não terá sua ordem encerrada antes do stop, e poderá ficar sossegado.

Mas sabe qual é o problema para os iniciantes? Operar com um lote baixo assim não compensa para eles. Pensam que só vão ganhar dinheiro se operarem com volumes maiores de dinheiro. De fato, para ganhar mais, tem que usar lotes maiores, mas você agora já sabe que fazer isso aumenta o risco, e aumentar o risco não é recomendável se for para além de um limite aceitável de perda. Então se o risco máximo que o trader C aceitou perder era de 20 dólares, ele tem que usar 0.01, não importa o quanto isso pareça ’ruim’ para seu desejo de ganhar muito dinheiro.

O pensamento aqui está invertido. Iniciantes e pessoas que não sabem (ou não querem) gerenciar adequadamente seu risco, não pensam primeiro nas perdas, eles pensam primeiro nos ganhos. Traders profissionais calculam o risco antes de pensar em qualquer coisa referente a lucros. Eles sabem que ganhos são eventuais, mas a perda é algo concreto e esperado. Portanto, é preciso contar logo que a perda vai acontecer (em algum momento todo trader tem perdas, muitas delas), e se a perda vai acontecer, vamos fazer de tudo para minimizá-la. Ao operar pensando inicialmente na recompensa, significa que o iniciante não está aceitando que a perda é certa, e que inevitavelmente irá ocorrer, seja no próximo trade ou em qualquer outro que ele vier a abrir.

Conclusão

Aqui você estudou sobre o Stop Out, e como ele deve ser evitado ao máximo, pois se ele ocorrer, significa que as ordens foram fechadas antes do tempo (cotação e perda) aceitado pelo trader. Quem opera adequadamente fica longe de ter o Stop Out como um problema, mas quem é imprudente e não sabe gerenciar seu risco, uma hora ou outra acaba dando de cara com esse mal, perde seu dinheiro, e pior, nem sabe o que o atingiu. Estude sempre, se prepare, gerencie seu risco, aja sempre de forma consciente, e mantenha-se sempre longe das estatísticas dos que perdem dinheiro no mercado.

Encerramos aqui a série sobre alavancagem e margem. Espero que você tenha gostado Não deixe de conferir o primeiro artigo dessa série no link a seguir.

Se ainda não tem conta demo aqui na Vantage, acesse esse link, crie uma de forma simples, e você já poderá inclusive testar os estudos e análises que faço regularmente aqui. Espero que goste, e fique sempre atento ao local onde você pegou o link que o trouxe até esta página, pois toda semana estamos atualizando ótimos ativos regularmente.

Experiência comercial Plus

Previous
Next

Abertura de conta rápida e fácil

  • Registre-se

    Escolha um tipo de conta e inscreva-se

  • deposite

    Deposite fundos na sua conta com uma ampla variedade de métodos de depósito

  • Faça trading

    Tenha acesso a mais de 1.000 instrumentos de CFD em todos os tipos de ativos no MT4/MT5.

Isso é tudo. É muito fácil abrir uma conta de trading Forex e CFD.
Bem-vindo(a) ao mundo do trading!
ABRIR CONTA REAL

Fale conosco

  • Questões gerais

    Estamos aqui para fornecer a você uma jornada de trading bem-sucedida, desde a abertura da conta até o financiamento e a negociação.

    [email protected]
  • Clientes Premium

    Se você estiver interessado em se tornar um premium para desbloquear serviços extras como, trader de alto volume ou se juntar ao Clube Vantage, envie-nos um e-mail abaixo.

    [email protected]