COMPARTILHE
essa página
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppTelegramMessenger

Limite do teto da dívida pública no dólar e como o bloqueio do comércio na china afetaria a economia mundial?

  

Nenhuma imagem ou texto devem ser tomados como indicação de investimento. Todo o conteúdo a seguir deve ser visto apenas com fins educacionais

O artigo abaixo irá apresentar as notícias que podem impactar os pares de moedas. É importante lembrar que preços de entrada e saídas são feitos pela análise gráfica, trataremos sobre nas discussões abaixo.

Pontos dos eventos significativos a serem observados:

-Reunião da G7 ou grupo dos Sete, é o agrupamento dos países com as maiores economias do planeta de acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI);

-Índice de gerentes de compras na zona do Euro;

-Declaração da política monetária do banco central da nova zelândia;

-Fala do Bailey do banco central inglês;

Pontos altos e baixos da semana passada:

-Os mercados estão ficando mais nervosos com o teto da dívida nos EUA, podemos perceber isso no decorrer da semana;

-A taxa neutra do Fed que foi aumentado na última semana;

-A inflação canadense provavelmente permanecerá firme diante das reservas de petróleo;

-Mercados de trabalho do Reino Unido impulsionam pressões salariais, com o discurso essa semana do Bailey;

Pontos de Discussão – Cúpula G7 e Os efeitos da Inflação no mundo.

Com início nesta sexta-feira (19), a cúpula do G7 acontece até o próximo dia 21 em Hiroshima, no Japão, e terá como assuntos principais a guerra na Ucrânia e o aumento da inflação nas principais economias do mundo. Além das nações membros está prevista a participação de representantes de países convidados e de organismos como as Nações Unidas, o Fundo Monetário Internacional, Banco Mundial e União Europeia, entre outros.

Com início nesta sexta-feira (19), a cúpula do G7 acontece até o próximo dia 21 em Hiroshima, no Japão, e terá como assuntos principais a guerra na Ucrânia e o aumento da inflação nas principais economias do mundo. Além das nações membros está prevista a participação.

Os líderes também devem discutir a preocupação com o uso de “coerção econômica” pela China em suas negociações no exterior como parte de sua declaração conjunta mais ampla, com a declaração principal definida para incluir uma “seção específica para a China”.

Haverá uma série de outras declarações, disseram fontes do governo alemão, incluindo sobre a Ucrânia, resiliência econômica e segurança, segurança alimentar e outros.

Eu chamaria isso de um G7 geopolítico, que enfrentará uma enorme crise de segurança, que é a agressão russa contra a Ucrânia. Também é geopolítico porque as tensões entre a China e os Estados Unidos estão aumentando e por isso precisamos expressar as regras do jogo para que possamos preservar nossas capacidades de cooperação internacional.

Líderes de vários outros países, incluindo Índia e Vietnã, também estão entre os que devem comparecer como observadores. O G7 está tentando se aproximar dos membros do “Sul Global” para combater o papel da China no cenário global.

Mas resta saber até que ponto a linguagem será direta para a China. Alguns membros do G7 estão céticos quanto a assinar controles sobre investimentos na China.

Enquanto a reunião de ministros das Relações Exteriores do G7 em abril reconheceu “a necessidade de trabalhar em conjunto com a China nos desafios globais” e reiterou seu apelo para que Pequim aja “como um membro responsável da comunidade internacional”, nem o clima do grupo nem os chefes de finanças mencionaram diretamente a China em seus comunicados.

Os Estados Unidos estão na vanguarda ao pressionar por controles de investimento mais fortes, mas a Alemanha é mais cautelosa, dada sua forte dependência do comércio com Pequim. A Alemanha quer ver a triagem de investimentos em áreas específicas, não em geral, disseram altos funcionários do governo alemão.

Os líderes também planejam endurecer as sanções contra a Rússia, com medidas voltadas para a energia e as exportações para ajudar no esforço de guerra de Moscou.

As novas medidas visam a evasão de sanções envolvendo terceiros países e buscarão minar a futura produção de energia da Rússia e restringir o comércio que apoia as forças armadas da Rússia, disseram eles.

Sobre a invasão da Ucrânia pela Rússia, há divergências na estratégia de como encerrar o conflito.

Os Estados Unidos não querem falar sobre um caminho diplomático até ver como a ofensiva militar da primavera se desenrola, disseram autoridades, mesmo que seus aliados europeus desejem uma solução diplomática em mãos.

“De uma perspectiva europeia, trata-se de os parceiros da Ucrânia fazerem tudo o que puderem para acelerar sua vitória”, disse uma autoridade europeia, acrescentando que a resposta da Europa aos desafios dos Estados Unidos e da China também é importante.

Pontos de Discussão – Teto da Dívida no Dólar.

 As negociações sobre o teto da dívida devem ser retomadas na noite de domingo, enquanto Washington corre para chegar a um compromisso orçamentário junto com um acordo para aumentar o limite de endividamento do país e evitar um calote federal que destrua a economia.

Os negociadores do presidente democrata e do presidente republicano parecem estar reduzindo o limite orçamentário para o ano orçamentário de 2024, que seria a chave para resolver o impasse. Eles enfrentam um prazo, até 1º de junho, quando o governo pode ficar sem dinheiro para pagar suas contas. A secretária do Tesouro, Janet Yellen, disse no domingo que 1º de junho é um “prazo rígido”.

McCarthy disse após sua ligação com Biden que “acho que podemos resolver alguns desses problemas se ele entender o que estamos vendo”. O palestrante acrescentou: “Mas fui muito claro com ele desde o início. Temos que gastar menos dinheiro do que gastamos no ano passado.”

Logo se o teto da dívida aumentar, teremos um dólar enfraquecido perante o mundo, reconhecendo sua incapacidade de quitar suas dívidas. Isso poderá ser percebido dentro do gráfico do DXY (índice do dólar americano), indicando o ponto de pullback (reteste) sobre a sua linha de tendência de baixa. Veja no gráfico abaixo a possível região.

Análise feita pela Sheila Dalmaschio, extraído do tradingview

Diante do gráfico acima, podemos notar que desde novembro de 2022 o dxy se encontra respeitando uma tendência de baixa, ela se confirmará após o rompimento do último fundo, a futura decisão sobre o teto da dívida de 2023 pode ajudar a colocar o preço do gráfico mais abaixo.

Conforme é notável no gráfico abaixo, percebemos uma crescente frente a dívida pública americana, o crescimento é crescente e não estamos vendo muitos caminhos para o dólar melhorar este teto. Como será que o dólar irá melhorar este cenário?

Calendário Econômico para a Semana

Vejamos quais são as principais notícias para essa semana:

– Segunda-feira-feira, 21 de maio de 2023, 09:30 – Reunião da G7;

– Terça-feira, 22 de maio de 2023, 03:00 – PMI – Índice do gerente de compras na zona do Euro, Membro do FOMC fala; Declaração de taxa do banco central da nova Zelandia;

– Quarta-feira, 24 de maio de 2023, 06:00 – Secretaria do tesouro Yellen fala; Clima do consumidor alemão.

Experiência comercial Plus

Previous
Next

Abertura de conta rápida e fácil

  • Registre-se

    Escolha um tipo de conta e inscreva-se

  • deposite

    Deposite fundos na sua conta com uma ampla variedade de métodos de depósito

  • Faça trading

    Tenha acesso a mais de 1.000 instrumentos de CFD em todos os tipos de ativos no MT4/MT5.

Isso é tudo. É muito fácil abrir uma conta de trading Forex e CFD.
Bem-vindo(a) ao mundo do trading!
ABRIR CONTA REAL

Fale conosco

  • Questões gerais

    Estamos aqui para fornecer a você uma jornada de trading bem-sucedida, desde a abertura da conta até o financiamento e a negociação.

    [email protected]
  • Clientes Premium

    Se você estiver interessado em se tornar um premium para desbloquear serviços extras como, trader de alto volume ou se juntar ao Clube Vantage, envie-nos um e-mail abaixo.

    [email protected]