COMPARTILHE
essa página
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppTelegramMessenger

DXY (Índice do Dólar Americano) e a correlação com paridade XAUUSD e GBPUSD.

  

Nenhuma imagem ou texto devem ser tomados como indicação de investimento. Todo o conteúdo a seguir deve ser visto apenas com fins educacionais

E aí, amigos, como estão? Nesse estudo de hoje identificarei para vocês regiões interessantes para oportunidades de curto e médio prazo, digo dentro dessa semana mesmo vocês sentirão o desenrolar do preço. Então aproveite as notícias e regiões importantes do gráfico para fazerem boas entradas e saídas. Nesta primeira semana do mês estará cheia de relatórios e dados econômicos, portanto é momento de atenção!

Pontos de Discussão – DXY (Índice da Moeda Americana)

Essa semana teremos muitas atualizações do cenário econômico dos EUA. As decisões do COPOM, que ocorrerá essa semana, é uma das mais importantes dos últimos anos, pois em meio à descompressão local e global da inflação. Na minha opinião, a situação clamaria inclusive por uma manutenção já nesta reunião, ou seja, a elevação seria de 25 a 50 pontos percentual.

Com últimos dados econômicos nos EUA apontando para uma recessão técnica, o fiel da balança do retorno do investidor global ao risco depende bastante do resultado do mercado de trabalho americano, especialmente Payroll que acontecerá sexta-feira, após um PCE pressionado no resultado do PIB na semana anterior.

Gráficos elaborados por Sheila Dalmaschio, criado com Trading View

Falando sobre análise gráfica, o DXY vem de uma forte alta desde fevereiro. A linha de tendência de alta traçada neste período confirmou em junho, ocorrendo um rompimento no preço dos 104.900, assim sendo, ele encontra o todo dos 106.990 e retorna na região de rompimento. A região que eu indico na seta azul (veja o gráfico acima) será um momento de decisão do que o preço fará. Seguindo a lógica da tendência poderá levar o preço novamente ao topo, agora se romper poderá levar o preço a região dos 101.570, este preço foi a máxima do dólar antes da pandemia, em março.

Gráficos elaborados por Sheila Dalmaschio, criado com Trading View

É neste sentido que a coleção correta de dados pode influenciar em como o dólar pode voltar para cá, sendo mais um ponto positivo na descompressão inflacionária e garantindo ao COPOM uma manutenção segura da taxa por um período, que se for operado da maneira correta, deverá ser indicado como longo, de forma a garantir um bom diferencial contra a taxa americana.

A semana se completa com a decisão de juros do BoE, o qual ainda opera sob um ritmo bastante comedido de aperto monetário, onde o Reino Unido se desponta na Europa com uma série bastante positiva de indicadores, em especial do mercado imobiliário.

Calendário Econômico para a Semana

Essa semana teremos bastante movimento no Dólar podendo trazer um reflexo para o comportamento do preço. Vejamos abaixo;

– Quinta-Feira, 04 de Agosto de 2022, às 07:00, horário de Brasília – Relatório de Política Monetária do BOE (Banco da Inglaterra).

– Quinta-Feira, 04 de Agosto de 2022, às 07:00, horário de Brasília – Voto das da taxa bancária oficial do MPC (Comitê de Política Monetária) no Reino Unido.

– Quinta-Feira, 04 de Agosto de 2022, às 07:00, horário de Brasília – Taxa Bancária Oficial no Reino Unido.

– Sexta-Feira, 05 de Agosto de 2022, às 10:00, Horário de Brasília – Taxa de Desemprego, Mudança de emprego não agrícola, taxa de desemprego dos EUA.

Pontos de Discussão –  XAU/USD Paridade Ouro e Dólar Americano, e a paridade GBP/USD Libra e Dólar Americano.

No artigo anterior nós falamos que a semana pode ser agitada com a quantidade de relatórios que sairão nesta semana, portanto faremos uma análise com duas possibilidades. Vejamos abaixo:

O par XAUUSD mantém sua força no Ouro tendo em vista a perda de preço do índice do dólar americano (DXY). No atual momento o xauusd pode buscar preços importantes para a sua possível reversão, sendo assim respeitando a linha de tendência de baixa do gráfico abaixo. A região de preço que ele pode chegar são 1784 e 1811. Atente-se nestes preços pois para ocorrer a reversão ela deve se dar pelo toque ou por confirmação desta região. Caso os relatórios dessa semana superem as expectativas, podemos ver o preço romper a linha de tendência de baixa e o par subindo a níveis maiores. Confirmaremos essa análise na próxima semana.

Gráficos elaborados por Sheila Dalmaschio, criados com Trading View

Falando sobre o par GBPUSD que terá muita movimentação essa semana, encontra-se em uma região de resistência, podendo levar o preço até a linha de tendência de alta. A região de ele se encontra é uma região de acumulação, levando a gente a imaginar que o preço está esperando uma decisão mais clara do mercado para tomar o seu caminho. Graficamente falando ele pode dar leves sinais de baixa até o preço dos 1.21500.

Credit: Sheila Dalmaschio

Experiência comercial Plus

Previous
Next

Abertura de conta rápida e fácil

  • Registre-se

    Escolha um tipo de conta e inscreva-se

  • deposite

    Deposite fundos na sua conta com uma ampla variedade de métodos de depósito

  • Faça trading

    Tenha acesso a mais de 1.000 instrumentos de CFD em todos os tipos de ativos no MT4/MT5.

Isso é tudo. É muito fácil abrir uma conta de trading Forex e CFD.
Bem-vindo(a) ao mundo do trading!
ABRIR CONTA REAL

Fale conosco

  • Questões gerais

    Estamos aqui para fornecer a você uma jornada de trading bem-sucedida, desde a abertura da conta até o financiamento e a negociação.

    [email protected]
  • Clientes Premium

    Se você estiver interessado em se tornar um premium para desbloquear serviços extras como, trader de alto volume ou se juntar ao Clube Vantage, envie-nos um e-mail abaixo.

    [email protected]