COMPARTILHE
essa página
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppTelegramMessenger

DXY (Índice do Dólar Americano) prévia do FED (sistema de reserva federal dos Estados Unidos) gera acumulação.

  

Nenhuma imagem ou texto devem ser tomados como indicação de investimento. Todo o conteúdo a seguir deve ser visto apenas com fins educacionais

E aí, amigos, como estão? Nesse estudo de hoje identificarei para vocês regiões interessantes para oportunidades de curto e médio prazo, digo dentro dessa semana mesmo vocês sentirão o desenrolar do preço. Então aproveite as notícias e regiões importantes do gráfico para fazerem boas entradas e saídas.

Pontos de Discussão – DXY (Índice da Moeda Americana)

O índice DXY no dia de hoje (25/07) sustenta uma acumulação dentre as regiões 106.906 e 106.175 antecedendo a notícia que acontecerá nesta quarta-feira com a alteração da taxa básica de juros. O mercado espera que o aumento do valor percentual seja de 0,75 pontos em vez do cenário completo de 1 ponto percentual completo. O aumento para 1% seria o adequado para conter a inflação e, portanto, garante menos impacto inflacionário em determinado setores. Nesta magnitude da última reunião, que foi a maior alta registrada desde o ano de 1994. Dessa forma, o intervalo de juros nos EUA ficaria entre 2,25% e 2,50% ao ano.

O EUA enfrenta a maior inflação registrada em 40 anos. No mês de junho, a inflação medida pelo índice de preços do consumidor (IPC) chegou a 9,1% em doze meses, com uma alta mensal de 1,3%. Segunda o Bureau of Labor Statistic, o aumento foi amplo e pressionado por gasolina, moradia e alimentação. Já o núcleo da inflação, que exclui os preços voláteis, como commodities e alimentos, apresentou uma elevação de 0,7% em junho e 5,9% em doze meses.

Vale mencionar que a subida a subida nos juros básicos não será suficiente para diminuir a alta nos preços e ainda deve piorar a situação de crédito das empresas, aumentar o risco para os bancos e desincentivar os investimentos, deixando na mesa parte da possibilidade de crescimento do país.

Gráficos elaborados por Sheila Dalmaschio, criado com Trading View

Com a possibilidade do FED não atender a demanda do mercado poderá levar o preço do DXY aos 104.779 (veja no gráfico), que, portanto, poderá manter a continuação de alta construída pela linha de tendência de alta registrada no Diário.

Caso o FED absorva a expectativa do mercado e altere para 1% a taxa básica de juros, teremos uma forte alta podendo levar o preço ao topo do dia 14/07/2022, inclusive podendo romper essa região de topo.

Na acumulação que o gráfico se encontra, nas últimas 4 horas, a projeção do rompimento desta região poderá ser desta seguinte forma. Veja o Gráfico abaixo:

Gráficos elaborados por Sheila Dalmaschio, criado com Trading View

Essa semana é uma semana para observar a movimentação do preço do índice do dólar americano pois com a possibilidade de alta ou de baixa deste índice deverá ocorrer uma grande volatilidade, e com isso levará as paridades que tem o Dólar como moeda cotação com a uma liquidez alta.

Calendário Econômico para a Semana

Essa semana teremos bastante movimento no Dólar podendo trazer um reflexo para o comportamento do preço. Vejamos abaixo;

– Quarta-Feira, 27 de Julho de 2022, às 14:00, horário de Brasília – Declaração do FOMC (Comitê Federal de Mercado Aberto). É possível que neste momento vejamos um discurso duro sobre o controle da taxa de inflação.

– Quarta-Feira, 27 de Julho de 2022, às 14:00, horário de Brasília – Taxa de Fundos Federais, é neste momento que os membros do FOMC votam sobre onde definir a taxa-alvo.

– Quinta-Feira, 28 de Julho de 2022, às 08:30, horário de Brasília – PIB Produto Interno Bruto, é a medida mais ampla da atividade econômica e o principal indicador da saúde da economia.

Pontos de Discussão –  AUD/USD Paridade Dólar Australiano e Dólar Americano, e a paridade XAU/USD Ouro e Dólar Americano

No artigo anterior nós falamos sobre o impacto que a taxa de juros pode proporcionar as paridades de moedas que contenha o Dólar como cotação. Sendo assim, neste artigo falaremos de dois pares que contém o Dólar como moeda cotação e o quanto as decisões políticas impactam no preço e nas decisões dos traders. Vejamos abaixo:

O par AUDUSD encontra-se em uma região de topos tocando a linha de tendência de baixa, como o mercado espera a alteração da taxa de juros dos EUA nós podemos esperar que o preço do Dólar australiano chegue até os 0.68888. Isso porque o DXY pode ter uma alta e, portanto, precisaremos de menos dólar americano para negociar dólar australiano. O que o mercado estará fazendo a sua tendência primária e nós dará a oportunidade de caminhar a favor do Dólar.

Gráficos elaborados por Sheila Dalmaschio, criados com Trading View

No par XAUUSD temos algo semelhante ante a tendência principal que é de baixa, entretanto, o Ouro vem de um suporte forte vindo da região dos 1680 (preço esse que informamos no artigo anterior que iria nos 1680). Esta região de suporte levou o ouro ao preço dos 1737 engolfando os preços anteriores. Dentro deste mesmo cenário da taxa de juros, podemos esperar que a paridade XAUUSD volte até a região dos 1700.

Gráficos elaborados por Sheila Dalmaschio, criados com Trading View

Credit: Sheila Dalmaschio

Experiência comercial Plus

Previous
Next

Abertura de conta rápida e fácil

  • Registre-se

    Escolha um tipo de conta e inscreva-se

  • deposite

    Deposite fundos na sua conta com uma ampla variedade de métodos de depósito

  • Faça trading

    Tenha acesso a mais de 1.000 instrumentos de CFD em todos os tipos de ativos no MT4/MT5.

Isso é tudo. É muito fácil abrir uma conta de trading Forex e CFD.
Bem-vindo(a) ao mundo do trading!
ABRIR CONTA REAL

Fale conosco

  • Questões gerais

    Estamos aqui para fornecer a você uma jornada de trading bem-sucedida, desde a abertura da conta até o financiamento e a negociação.

    [email protected]
  • Clientes Premium

    Se você estiver interessado em se tornar um premium para desbloquear serviços extras como, trader de alto volume ou se juntar ao Clube Vantage, envie-nos um e-mail abaixo.

    [email protected]